Sindifisco-AM empossa nova Diretoria Executiva para biênio 2018-2019

//Sindifisco-AM empossa nova Diretoria Executiva para biênio 2018-2019

Sindifisco-AM empossa nova Diretoria Executiva para biênio 2018-2019

A nova Diretoria Executiva e o novo Conselho Fiscal do Sindicato dos Auditores Fiscais de Tributos Estaduais do Amazonas (Sindifisco-AM) foram empossados nesta terça-feira, 2 de janeiro, em solenidade ocorrida no auditório da entidade, com a presença da categoria, autoridades e convidados.

Dentre os convidados, estiveram presentes a vice-presidente do Sescon-AM, Cleide Rodrigues, o diretor administrativo do Sescon-AM, Robson Matheus, o presidente do CRC-AM, Manoel Carlos de Oliveira Júnior, e a presidente do Sindtate, Alona Valério.

No seu discurso de posse, o novo presidente do Sindifisco-AM, o auditor fiscal Roberto Geraldo, agradeceu a Deus, à família e à categoria pelo apoio, que culminou na vitória da “Chapa 1 – Sindifisco: Avançando e Realizando”. O novo titular da entidade reafirmou o seu compromisso de cumprir todas as promessas de campanha.

“Eu quero agradecer especialmente os nossos colegas que votaram na nossa equipe e que acreditaram no nosso plano de trabalho. Nós vamos fazer o possível para colocar em prática tudo o que nós nos propusemos durante a campanha eleitoral, pois agora é o momento de avançar e realizar, ou seja, de tomarmos a direção do ‘barco’ e trabalharmos em prol da nossa categoria”, frisou.

Ações imediatas – Dentre as ações previstas para serem executadas imediatamente, Roberto Geraldo destacou a defesa do retorno do auxílio-transporte.

“Várias ações já estão à frente. Nós vamos procurar massificá-las no sentido de que elas venham a beneficiar a categoria, como, por exemplo, a parte do transporte que nos foi concedido por meio de processo e que através de liminar foi tirada da nossa composição”, exemplificou.

Elogios – Presente na cerimônia de posse, o secretário executivo da Receita em exercício, auditor fiscal Romildo Oliveira, parabenizou o novo presidente.

“O Roberto Geraldo participou de várias equipes na Affeam e no Sindifisco, sendo uma pessoa dedicada à categoria. Por isso, conhece profundamente as nossas entidades e também a Sefaz-AM e sabe a hora de avançar e de recuar. Temos confiança de que ele irá, com certeza, conseguir avanços, que é o que nos interessa”, frisou.

Resgate – Romildo Oliveira lembrou uma conquista significativa obtida pela gestão anterior, do ex-presidente Ricardo Castro e da vice-presidente Helena Veiga, da qual fez parte como diretor da Esata.

“Eu me sinto orgulhoso de ter participado dessa Diretoria porque entendo que o nosso principal objetivo foi conseguido: a mudança de postura do sindicato. Nós fizemos um resgate da atividade sindical dentro da nossa categoria, porque o sindicato tem de ter independência e agir sempre em prol da categoria, independente de quem esteja na Sefaz e no Governo. Ele tem, muitas vezes, e nós fizemos isso, de recorrer ao Judiciário, quando não for atendido nos seus pleitos legítimos. Então, nós estamos tendo uma atitude de resgate de luta pelos nossos direitos. E tenho certeza que o Roberto Geraldo vai ter essa mesma independência”.

2018-09-11T10:20:56+00:00janeiro 2, 2018|Sem categoria|0 Comentários

Deixar Um Comentário